sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Crime Ambiental: Caminhão joga Lixo na zona rural de Conde, e diz que está a serviço do Mussulo Risortar



Crime Ambiental: Um caminhão foi flagrado jogando lixo na zona rural de Conde, na manhã desta quinta-feira 06/11/14, em uma área verde, próximo à comunidade quilombola de Gurugí. Um senhor por nome de Josinaldo Pereira, 45 anos, condutor do caminhão de Marca Mercedes Bens, cor Azul, foi pego pela equipe de fiscais da secretaria de obras e infraestrutura de Conde, no momento em que conduzia o transporte dentro da zona rural, carregado de Lixo.
Os fiscais abordaram o condutor e ele fez uma tremenda revelação: De que estava conduzindo o Lixo de um dos maiores Risorts do Nordeste, o Mussulo Risort. Ele também declarou que estava prestando serviços para o Risort através de um contrato de cinco Mil Reais. O motorista do caminhão ainda tentou se evadir do local. Os fiscais filmaram a abordagem a partir de um aparelho celular.
O condutor foi conduzido pelos fiscais até a subprefeitura, que fica em Jacumã, conhecido como Núcleo de Jacumã, o qual prestou esclarecimentos para o secretário, passando as devidas informações, e após assinar um termo de comprometimento, foi liberado.
Na localidade do despejo do lixo, podia-se observar que ele usava uma tática para despistar o crime. Ele jogava o lixo em áreas diferentes do terreno, depois cobria com palhas de coqueiro e logo que secava, ele queimava.
O Mussulo é um grande produtor de Lixo, o que estava dando muito trabalho para que a coleta fosse feita, pois a cada dois dias, a prefeitura teria que coletar o lixo do Risort. Os funcionários da Infra nos contaram que os administradores do Risort ligavam diariamente para que o lixo fosse coletado de lá. Passado algum tempo, eles estranharam que as ligações pararam e perguntaram o que estava havendo, o Risort teria informado que o lixo já tinha sido coletado. Os fiscais começaram a fiscalizar, montaram campana e flagraram o caminhão jogando lixo a serviço do Mussulo, na zona rural de Conde.
A problemática do Lixo nas cidades:
O lixo é um problema de nível nacional, e na grande João Pessoa, vemos as constantes apelações da população em relação ao lixo. Um dos principais problemas encontrados nas cidades, especialmente nas grandes é o lixo sólido, resultado de uma sociedade que a cada dia consome mais.
Esse processo decorre da acumulação dos dejetos que nem sempre possui um lugar e um tratamento adequado. Isso tende a aumentar, uma vez que a população aumenta e gera elevação no consumo, e consumo significa lixo.
O município de Conde está em constante crescimento, pois na medida em que a população cresce, cresce também os problemas sociais. É um preocupante desafio para qualquer gestor em uma cidade emergente, como é o caso do município de Conde. Uma cidade complexa de se administrar, cheia de distritos e povoados. Mas a prefeita Tatiana Corrêa tem feito o possível para gerenciar este problema.
A problemática do lixo no município de Conde é durante a alta temporada, pois a população do município triplica, com a chegada dos turistas que visitam o litoral sul, os quais também fazem um alto consumo e também produzem lixo.
Atualmente a prefeitura de Conde conta com dois caminhões compactadores para a coleta do lixo, 12 containers fixos em regiões diferentes da cidade, além de mais dois caminhões, e o lixo ainda dar trabalho para a secretaria de infraestrutura.
Questão de consciência:
É importante também que a população tome nota dos dias da coleta em seu bairro, na sua rua. Muita gente reclama que após o caminhão coletor passa, tem gente que coloca o lixo pra fora. Ora, se o caminhão passou hoje pela manhã em minha rua, e na parte da tarde eu coloco o meu lixo pra fora, com certeza ele vai passar dois dias fora, a mercê dos animais que passam pelas ruas.
Veja o vídeo do crime ambiental em Conde:

            
Da redação Conde News.

Veja fotos:




Nenhum comentário:

Postar um comentário