quarta-feira, 14 de maio de 2014

Prefeita de Conde- PB realizou entrega de cheques para micro-empreendedores



Inauguração de ‘Sala Empreender’ dará suporte ao interessado no microcrédito
A prefeita do Município de Conde, Tatiana Correa (PTdoB), entregou oito cheques do programa de microcrédito do Banco Popular para pequenos empreendedores do município, nesta quarta-feira, 14, em solenidade na sede do banco Popular, localizado no Centro Comercial Travessias, na Av. Ilza Ribeiro, principal de Jacumã.  Desde Janeiro foram liberados em torno de R$ 100 mil para cerca de 40 pequenos empreendedores, sendo 15 contemplados no último mês. “O Conde saiu à frente em relação ao fortalecimento da microeconomia, a qual beneficia toda região. Concordei de imediato após ouvir os relatos do hoje secretário municipal de microcrédito, João Carlos Peixoto, e, agora, estamos conversando com o Empreender do Estado para, em parceria com o programa de microcrédito do Banco Popular, liberar um crédito maior”, revelou.
Na ocasião, ela também inaugurou a “Sala Empreender” para, com o apoio do Sebrae, realizar a capacitação dos interessados nos microcréditos,  viabilizar a formalização de negócios já existentes e selecionar para a aquisição do microcrédito concedido pelo Banco Popular, que tem valor máximo de R$ 3.620,00.
“A sala já existia, mas passa a contar com a presença dos agentes de desenvolvimento do Sebrae que se somarão aos agentes de crédito do banco para fazer uma maior capacitação e orientação dos interessados em abrir e regularizar seus negócios no município”, enfatizou.
Tatiana ressaltou que para capitalizar o Banco Popular foi regulamentado, através de lei, o pagamento de uma taxa de 1,5% de tudo o que é pago em fornecimento de serviços e produtos para a prefeitura do município. “Passamos oito meses nos programando e hoje o Banco Popular caminha para ter vida própria. Mesmo vinculado à prefeitura, ele está caminhando para funcionar de forma independente com o ressarcimento dos empréstimos que temos disponibilizado”, pontuou.
De acordo com o secretário municipal de Microcrédito do Banco Popular, João Carlos Peixoto, na área financeira, uma equipe formada por agentes de créditos analisam e fazem todo o acompanhamento técnico da viabilidade do negócio. O empréstimo possui taxa de juros de 1,99 ao mês.
“Da inscrição no empreender, realização do processo até a liberação do recurso dura em média 60 dias e, em seguida, o beneficiado tem três meses de carência e o prazo de até 36 meses para a quitação do empréstimo”, explicou.
 

















Isabel Fonsêca/Assessora de Imprensa

Fotos: Arimatéia Sousa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário