domingo, 8 de fevereiro de 2015

Dilma não seria reeleita hoje, mostra pesquisa


DERRETEU Paraná Pesquisas mostra que Dilma perdeu o apoio de 11,8 milhões de eleitores (Foto: Joedson Alves/Reuters)

Da Época/ Felipe Patury
A presidente Dilma Rousseff perderia o cargo para o senador Aécio Neves (PSDB-MG), se o segundo turno da eleição presidencial fosse disputado hoje. Entre 21 e 27 de janeiro, o instituto Paraná Pesquisas perguntou a 2.027 eleitores de todo o país se eles manteriam o voto dado em 26 de outubro. O instituto apurou que 21,7% dos que votaram em Dilma não repetiriam sua escolha. Nesse caso, o contingente dos votos de Dilma cairia de 54,5 milhões para 42,7 milhões. Apenas 3,8% dos que votaram em Aécio mudaram de opinião. O eleitorado de Aécio caiu de 51 milhões para 49,1 milhões de votos, na frente, portanto, de Dilma.

 Época Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário