sexta-feira, 20 de abril de 2012

SENADOR VITAL DO RÊGO DIZ QUE PARTIDO FEZ PEDIDO E ELE NÃO RECUSOU PARA PRESIDIR CPI DE CACHOEIRA.


                “EU NÃO TINHA COMO RECUSAR”

O senador Vital do Rêgo (PMDB-PB) disse na manhã desta sexta-feira (20) que aceitou ser o presidente da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito que investigará as relações do bicheiro Carlinhos Cachoeira com políticos, autoridades e empresários.

O requerimento que cria a CPI foi lido na sessão do Congresso Nacional desta quinta-feira (19).

Pelo regimento, a presidência da comissão cabe a um senador do PMDB, e a relatoria, a um deputado do PT, que são as maiores bancadas de cada Casa. Os dois cargos são os mais importantes da CPI.

O nome de Vital já havia sido anunciado pelo líder do PMDB no Senado, Renan Calheiros, na noite desta quinta. Vital é corregedor do Senado e relator da Lei Geral da Copa na Comissão de Constituição e Justiça do Senado.

"Eu não tinha como recusar. O PMDB veio a mim e pediu a minha colaboração. E aí, eu não posso me furtar a aceitar esse pedido do meu partido", disse Vital.

Segundo Vital, o plano de trabalho da CPI deve ser apresentado na próxima semana, quando serão feitas as demais indicações que faltam para completar a comissão. O prazo oficial para as indicações termina na próxima terça-feira (24), mas muitas legendas já anteciparam os nomes dos indicados.

Portal G1.

                                                                          INÍCIO

Nenhum comentário:

Postar um comentário